Aplicar na bolsa de valores ainda é um investimento eficaz e cada dia mais acessível. Entretanto, o número de brasileiros que embarcam na missão ainda não é muito alto quando comparado a de outros países. Sabe-se já que a bolsa de valores entrega um rendimento muito melhor do que investir em bancos. Este artigo tem a finalidade de apresentar as principais informações – leia-se também motivos – para quem busca essa nova forma de investir. Anote as dicas e mude sua vida financeira!

Bolsa de valores: já é hora de você começar a investir!

investir na bolsa de valoresUm dos maiores problemas na vida de quem quer investir, mas não sabe como, é a falta de informação. Principalmente quando o assunto é bolsa de valores. Muitas pessoas acham que é uma realidade possível apenas para países como Estados Unidos ou China. Esse pensamento dificulta todo o processo! Você, ainda aqui no Brasil, não precisa mais esperar. Veja a seguir os principais motivos para começar agora a investir na bolsa de valores!

1 – Valor inicial

Quem costuma investir constantemente na bolsa de valores indica, para começar, a quantia de R$5.000,00. Mas, como citado, é uma indicação. Ela proporciona a utilização de métodos mais variados da bolsa. Entretanto, é possível começar com apenas R$100,00, por exemplo. Existem ativos aguardando a quantia que você tem disponível para investir. O importante é dar o primeiro passo!

2 – Investimento acessível

Levando em consideração o valor que cabe no bolso, investir na bolsa de valores é, sim, possível. Pela falta de informação a respeito, as pessoas tendem a achar que a poupança oferecida pelo banco, por exemplo, é a melhor forma de investir o dinheiro. Por isso, é um dos métodos mais comuns entre os brasileiros. Mas já é tempo de mudar a perspectiva, anotar os benefícios e entrar para o mercado de ações em bolsas de valores.

3 – Diminuindo riscos

A prática de investir na bolsa de valores não é mais estável ou linear entre todas as maneiras de investir o dinheiro. Todavia, há, sim, uma forma de se prevenir e fazer do método uma forma rentável e superior aos modelos tradicionais de investimento. Basicamente, é preciso estruturar o método acompanhado de um consultor financeiro, bem como aplicar em ações de empresas mais consistentes e diversificar todos os investimentos, começando sempre com um valor mais baixo.

4 – Comunidade de investidores

Comunidades de investidores existem também para diminuir os riscos supracitados que estão presentes na bolsa de valores. Se dá pela interação de players que comparam e compartilham suas estratégias de como investir. Com isso, se passa conhecimento acerca das formas mais seguras e estruturados de praticar os investimentos.

5 – Home Broker

As negociações eram realizadas, há 20 anos, por meio da mesa de operações de compra e venda intermediada por um operador. Hoje em dia, existe uma plataforma online que integra investidores e permite as negociações entre as pontas envolvidas. Essa plataforma, ainda caçula no mercado de ações, porém já devidamente forte, é conhecida por Home Broker. Ela facilita os investimentos sem precisar sair de casa.

6 – Controle da vida financeira

homem feliz após investir na bolsa de valoresTer controle da própria vida financeira é o desejo de todos, independentemente da condição social. Porém, quando você se torna investidor na bolsa de valores, é sua a decisão de quanto investir mediante o retorno desejável. E para ter uma jogada assertiva e saudável, a melhor forma é contar com uma consultoria financeira. Ligue já para a Bremenkamp Consultoria Financeira e conheça nossas soluções!

Para estender o conhecimento, visite nosso blog e leia artigos sobre idade para alcançar o sucesso profissional, palestra sobre finanças pessoais, teste da organização financeira, liberdade financeira e muito mais!



× Fale comigo!