O início do ano marca um novo ciclo para sua vida financeira. Neste momento, uma porta fica aberta para as oportunidades. Assim, aplicar seu dinheiro de forma coerente com seus objetivos é a melhor forma para garantir satisfação. Pensando nisso, preparamos este artigo para você que gostaria de saber como fazer investimento em ações de forma simples. Ao final, entenda como a Bremenkamp Consultoria Financeira pode te ajudar!

Sumário

  • Como fazer investimento em ações? Veja 6 passos!
  • Passo 1: separe a reserva de emergência
  • Passo 2: delimite um valor para iniciar os investimentos
  • Passo 3: estabeleça objetivos
  • Passo 4: descubra seu perfil de investidor
  • Passo 5: abra uma conta com corretora
  • Passo 6: conte com o auxílio de uma consultoria financeira

Como fazer investimento em ações? Veja 6 passos!

A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) fez uma pesquisa recentemente com 5 mil pessoas em todo o país para reconhecer o novo perfil do investidor brasileiro. Como resultado, notou que ele está cada vez arrojado e proposto aos riscos em aplicações.

À vista disso, podemos dizer que embora o investimento em ações seja desenvolvido no contrário das aplicações tradicionais, quando feito com cautela e objetivo tende a apresentar ótimos resultados.

Abaixo, separamos o passo a passo simples de como fazer investimento em ações para que você tenha mais segurança em aplicar seu dinheiro! Veja.

dicas úteis de como fazer investimento em açõesPasso 1: separe a reserva de emergência

O primeiro passo para começar a investir é separar a reserva de emergência. Lembre-se que ela deverá ter uma quantia capaz de te conceder assistência em casos onde os rendimentos ficam abaixo do esperado.

Por essa razão, a reserva de emergência deve contar com uma quantia necessária para superar um período de queda. É importante que ela esteja investida em um modelo com facilidade de resgate a fim de facilitar a retirada. Além disso, o fundo de emergência deve ser adequado aos seus gastos e despesas fixas.

Passo 2: delimite um valor para iniciar os investimentos

O segundo passo de como fazer investimento em ações é delimitar um valor inicial. Diferentemente do que muitas pessoas pensam, o mercado de ações no Brasil (BM&BOVESPA) disponibiliza ações com valores muito variados. Ou seja, é possível começar a investir com 30 reais, por exemplo.

No entanto, juntar uma quantia razoável para iniciar funciona como uma forma de ter mais garantia de retorno. Assim, você se previne de cometer erros e considerar os custos maiores do que sua rentabilidade.

Passo 3: estabeleça objetivos

Entenda como fazer investimento em açõesSe você chegou a este artigo sobre como fazer investimento em ações, certamente tem uma meta que deseja cumprir. Então, depois de já ter separado sua reserva de emergência e delimitar o valor que pode iniciar seu investimento, estabeleça seus objetivos.

Neste caso, eles podem obedecer ao curto, médio e longo prazo. Veja os exemplos práticos:

  • curto prazo: um jantar especial em um restaurante onde sempre quis levar a família;
  • médio prazo: uma viagem para outro estado durante as férias;
  • longo prazo: reserva destinada à aposentadoria.

Importante: ao estabelecer seus objetivos, você poderá ter mais base para reconhecer seu perfil de investidor, que encontra-se no próximo passo.

Passo 4: descubra seu perfil de investidor

Como dissemos, a finalidade do seu investimento tem relação direta com o seu perfil de investidor. Veja bem, alguém que busca por retorno dentro do curto prazo tende a não se expor tanto aos riscos, correto? Afinal, um erro pode comprometer o objetivo dentro deste período predeterminado.

Sendo assim, segmentamos o perfil de investidor em três categorias distintas:

  • conservador: pessoa que busca conservar o patrimônio e, por essa razão, tende a não se arriscar tanto. Normalmente o perfil conservador pode ser visto em investidores que estão em fase inicial;
  • moderado: se diferente do conservador por estar disposto a correr riscos, porém tem preocupação com a preservação do patrimônio;
  • arrojado ou agressivo: tem melhor visão estratégica e é mais tolerante aos riscos. Em geral, pode ser classificado em uma pessoa que já entende a dinâmica do mercado e consegue aproveitar as oscilações.

Passo 5: abra uma conta com corretora

Podemos classificar o passo 5 como o mais importante no processo de como fazer investimento em ações. Ele se trata do primeiro vínculo como uma instituição ligada ao mercado de ações na bolsa.

As corretoras brasileiras possuem critérios próprios e programas de investimento que são classificados de acordo com o perfil do investidor. Por essa razão, é importante que você identifique qual delas é a que melhor se adequa a sua pretensão.

Passo 6: conte com o auxílio de uma consultoria financeira

Por fim, se você é iniciante ou pretende ser, mas ainda tem medo de estar optando pela compra de ações fora do seu perfil, contrate uma consultoria financeira. Com ela, você terá as seguintes vantagens:

  • conhecimento de novas ideias;
  • identificação de problemas;
  • avaliação mais precisa do cenário;
  • informações mais detalhadas sobre sua movimentação;
  • compreensão do seu perfil de investidor, feita pelo profissional;
  • maior capacidade de identificar riscos.

A Bremenkamp Consultoria Financeira tem o compromisso de se juntar a você para garantir a conquista dos seus objetivos. Contamos com a experiência do nosso Coaching Financeiro, Raphael Bremenkamp, para lhe auxiliar. Entre em contato conosco e entenda como fazer investimento em ações com orientação profissional!

Aproveite para ler mais artigos como este em nosso blog:



× Fale comigo!